Governadora do RN visita obras de acesso ao novo Aeroporto

Governadora do RN visita obras de acesso ao novo Aeroporto

A Governadora Rosalba Ciarlini, acompanhada pelo diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/RN), Demétrio Torres, conferiu na manhã de quarta-feira (9), o andamento das obras do acesso norte do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, que estão 60% de concluídas. No local estão trabalhando cerca de 150 homens e aproximadamente 70 máquinas. Alguns trechos, como o que encontra a parte sob responsabilidade do Aeroporto, já estão recebendo o canteiro central que regulará o trânsito.

O primeiro ponto conferido foi a entrada do acesso, pela BR 406 – em Ceará-Mirim, onde começará a ser montado em 15 dias o viaduto de entrada para o Aeroporto. De acordo com a matriz de responsabilidade definida para o Governo do Estado, resta apenas um quilômetro para ser asfaltado e assim já dar condições de tráfego aos automóveis.

As vigas de sustentação do novo viaduto já começaram a ser instaladas. “As estruturas estão prontas e de acordo com o nosso cronograma este acesso será liberado no dia 10 de maio. O fluxo de automóveis estará liberado e a população terá acesso ao aeroporto”, disse a Governadora.

Ainda dentro da programação de obras do Governo do Estado está a duplicação da BR 406, que vai facilitar a circulação de passageiros e cargas com fluidez e segurança, abrangendo o fluxo previsto na operação do equipamento, que será de 6,2 milhões de passageiros por ano.
A Governadora ainda visitou as obras que acontecem no trevo de ligação entre a via de acesso a cidade de São Gonçalo do Amarante – RN 160; o acesso Sul do aeroporto – BR 304 e o acesso Norte – BR 406.

O aeroporto de São Gonçalo do Amarante

A obra do aeroporto de São Gonçalo do Amarante se arrastava há doze anos e foi destravada em 2011, quando aconteceu o leilão vencido pelo consórcio Inframérica. Hoje trabalham na obra cerca de 2 mil operários e, possui uma capacidade de planejamento para não ficar saturado até 2022 e quando estiver em funcionamento, vai promover um salto de desenvolvimento econômico importante para a região norte da capital potiguar.

O aeroporto terá terminal de passageiros de 40 mil m², 1.500 vagas de estacionamento e capacidade de operação de 6,2 milhões de passageiros por ano. O total de investimento é de R$ 410 milhões, dos quais R$ 326 milhões de financiamento do BNDES.

Fonte: ASSECOM/RN

1,556 total views, 1 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *