Tragédia em Santa Maria/RS – Incêndio em boate faz 232 vitimas fatais.

Tragédia em Santa Maria/RS – Incêndio em boate faz 232 vitimas fatais.

O dia 27 de Janeiro de 2013 ficará  marcado com muita dor, tristeza e saudades daqueles que partiram de forma brutal!

Na boate, acontecia a festa de quatro cursos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) — Agronomia, Medicina Veterinária, Pedagogia e Tecnologia dos Alimentos. Ainda no local, ocorreria a festa de um bloco de carnaval da cidade, o Nagandaya.

Desde as primeiras horas desse domingo o Rio Grande do Sul chora esse acontecimento súbito de consequências trágicas e calamitosas. O incêndio que atingiu a boate Kiss em Santa Maria até o momento registra pelo menos 232 mortos e 116 feridos.  O fato é a maior tragédia da história do Rio Grande do Sul e figura entre os incêndios que mais provocou vitimais fatais no Brasil.

O incêndio na boate Kiss, no centro de Santa Maria, começou entre 2h e 3h da madrugada, quando a banda Gurizada Fandangueira, uma das atrações da noite, teria usado efeitos pirotécnicos durante a apresentação. O fogo teria iniciado na espuma do isolamento acústico, no teto da casa noturna.

Conforme os bombeiros, parte da parede teria sido quebrada por pessoas para que pudessem auxiliar na saída e para ajudar na ventilação.

A quantidade de materiais de altíssima velocidade de queima é muito comum nesses ambientes de festa, fazendo com que o fogo se alastre com tremenda rapidez, porém o que está sendo possível observar  e que quase na totalidade, as vitímas fatais foram afetadas não pelo fogo em si, mas pela fumaça que provocou asfixia. Aparentemente a casa noturna possuia uma unica rota de fuga e sem sombra de dúvidas muitas pessoas no desespero de tentar sair pela única porta de entrada e saída da boate foram pisoteada.  O local foi interditado e os corpos foram levados ao Centro Desportivo Municipal, onde centenas de pessoas se reuniam em busca de informações.

A prefeitura da cidade decretou luto oficial de 30 dias e anunciou a contratação imediata de psicólogos e psiquiatras para acompanhar as famílias das vítimas. A presidente Dilma Rousseff interrompeu viagem oficial que fazia ao Chile para seguir a Santa Maria.

A BANDA GURIZADA FANDANGUEIRA

O guitarrista da banda Gurizada Fandangueira, Rodrigo Martins, afirmou em entrevista à Rádio Gaúcha que a banda está com medo de sofrer linchamento em Santa Maria, interior do Rio Grande do Sul.

O acidente vitimou o sanfoneiro do grupo, Danilo Jaques.

Eles temem ser responsabilizados pelas mortes no incêndio provocado por um sinalizador usado pela banda no show, que queimou o teto da casa noturna. De acordo com ele, os rodies da banda (ajudantes de palco) eram os responsáveis pelo uso dos sinalizadores em seus shows.

ALVARÁ DA BOATE VENCIDO

O alvará de funcionamento da boate Kiss estava vencido desde agosto de 2012, segundo o comandante do Corpo de Bombeiros da Região Central do Rio Grande do Sul, tenente-coronel Moisés da Silva Fuchs. Ele disse que o documento serve para atestar as condições de prevenção e combate a incêndios.

“Está vencido desde agosto. O alvará é necessário para o funcionamento da casa na sua normalidade”, disse em entrevista ao portal www.g1.com.br

491 total views, 1 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *